Blog  Mala Pink

  • Fan Page facebook
  • Twitter Mala Pink
  • Google mais Mala Pink
  • Canal Mala Pink
  • Pinterest Mala Pink
  • Instagram Mala Pink

© 2016 por Fernanda Mala Pink | Orgulhosamente criado por Fernanda Mala Pink

Machu Picchu

08/01/2018

Desde quando comecei o meu tour pela América do Sul, o meu maior desejo seria estar em Machu Picchu. 

Eu via muitas fotos e indicações nos instagrams de viagens e ficava imaginando o tão extraordinário seria aquele lugar. E realmente é! 

Só que desde quando comecei a procurar informações sobre a cidade achei muito confuso e caro chegar até lá. Por isso, foi essencial se preparar. 

Na verdade, é possível sim ir até Machu Picchu gastando menos, até mesmo fazendo a trilha inca que dura de 3 á 4 dias, porém quanto mais se paga, mais facilidade e conforto. Essa foi minha opção, já que eu tinha economizado bem em Uruguai, Chile e Argentina. 

 

Fui até uma agência de viagens em Cusco e comecei a fazer minhas pesquisas de preços e serviços. Escolhi a agência Mosoq Pacha Explores situado na av El Sol (lá que estão as agências) que além de ter van que me pegasse no hostel e me levaria direto para Águas Calientes, me deu um desconto por pagar em dinheiro. 

O meu passeio de 1 dia custou 225 dólares. 

 

Já cedinho, ás 5hrs, o motorista me buscou como o combinado e dali na van com todos os assentos ocupados prosseguimos viagem. Dormi durante todo o trajeto e por isso não sei descrever o caminho. 

 

Usei roupas de inverno pesadas, gorro, cachecol, luvas, roupa térmica por baixo porque realmente é muito frio como havia me informado. Mas há uma coisa interessante quanto a temperatura lá em cima: em umas quatros horas de visitação é possível sentir frio, calor, chover e ventar muito... muda muito repentinamente. 

 

Quando chegamos em Ollantaytambo (cidadezinha da estação) desci da van e passei pelo primeiro portão para pegar o trem até Águas Calientes. Uma moça falando em espanhol disse para aguardar logo mais á frente. Aproveitei para tomar café no bistrô e recarregar meu celular. Lá dentro, tem uma televisão com todos os horários das partidas, como acontece nos aeroportos. Mesmo assim é preciso prestar muita atenção.  

 

Quando dei por mim, o meu trem já estava lá, o Perurail. Uma gracinha! Me senti naqueles filmes antigos mas chiques sabe? Haha. 

O assento tem uma mesa e dois bancos. Fiquei ao lado de um brasileiro e de frente com dois australianos.  

 

Como uma boa tagarela que sou, conheci o brasileiro e logo mais os australianos Troy e Ellis. A paisagem das montanhas é surreal e os serviços do trem é excelente; a viagem é confortável e nada monótono. 

 

Assim que o trem chegou em Águas Calientes foi amor à primeira vista. Tudo muito simples mas alegre sabe? Me despedi dos meninos e meio perdida fui seguindo o fluxo de gente para o local onde pegaria a van e me encontraria com o guia para finalmente assim estar na cidade inca. Assim que cheguei no ponto marcado no mapa que a agencia me deu, reencontrei com os australianos novamente e por sorte estávamos no mesmo grupo. 

 

Pegamos o micro-ônibus e dali vi o quanto Deus é perfeito... Montanhas gigantescas e verdes com a névoa ao seu redor me deixou hipnotizada. Impossível descrever... 

 

Depois de 2 paradas e 3 conduções, eis que vem a melhor parte: Oficialmente Machu Picchu! 

Toda a história e curiosidades do povo Inca foi explicado pelo guia (por isso tão importante ter um). Entre uma aula viva e outra, fiz várias fotos e vídeos... Fiquei cansada assim que começamos á subir as escadas, os degraus são altos e a altitude também... foi preciso mascar minhas folhas de coca. 

Por incrível que pareça, vi muitos velhinhos e até mesmo gente de bengala por lá. Na verdade tudo com muita paciência é possível. 

 

 As minhas selfies não são das melhores porque já tinha tomado chuva e estava bastante cansada haha. Quanto as fotos da paisagem um show á parte. 

O passeio começa pelo alto e termina lá embaixo onde é possível ver as lhamas pastando de pertinho. Genteee, isso era um sonho meu!! Ver uma lhama na natureza em plena Machu Picchu haha. 

 

No fim da visitação, fomos liberados e já tendo conhecido uma alemã fomos comer uma pizza em um restaurante em Águas Calientes. Pegamos o trem de volta para Ollantaytambo e dali van para Cusco. Novamente apaguei e não curti a paisagem rs. 

 

Essa é uma daquelas viagens que eu indico de olhos fechados. 

Visite Machu Picchu.

 

Site da Perurail: www.perurail.com

Endereço da agência de viagens: MPE Cusco

Link com todas as dicas de viagem para Machu Picchu: www.guiamelhoresdestinos.com.br

Galerias no Google: Fotos

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Compre  nossos produtos

Você vai gostar de ver também

Please reload

Comente aqui

Quem faz o blog Mala Pink

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Pinterest Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon