Blog  Mala Pink

  • Fan Page facebook
  • Twitter Mala Pink
  • Google mais Mala Pink
  • Canal Mala Pink
  • Pinterest Mala Pink
  • Instagram Mala Pink

© 2016 por Fernanda Mala Pink | Orgulhosamente criado por Fernanda Mala Pink

Budapeste, Hungria

16/10/2017

Minha ida á Budapeste, capital da Hungria aconteceu há um certo tempo atrás (2016), quando eu estava fazendo um tour pela Itália e Eslováquia. Na verdade foi aquelas esticadinhas que gostamos de fazer quando estamos na Europa e que chamamos de EuroTrip.

Peguei o restinho do inverno, já que fui em fevereiro mas o frio ainda é daqueles que te obrigam a usar casacos pesados, bota, luva e cachecol. 

 

Cheguei de carro, portanto ainda não conheço o aeroporto da cidade.

Fui direto para o glamouroso Kempinski Hotel Corvinus, onde também estava hospedado ninguém mais ninguém menos que Tom Hanks e a produção do seu filme "Inferno". Os quartos são mega confortáveis e o melhor de tudo é o café da manhã mas que infelizmente não está incluso na diária. 

Reserve aqui sua estada no hotel Kempinski.

 

Além do hotel ser completo ele é muito bem localizado, o que permite ir á muitos lugares á pé e um dos meus lugares prediletos foram os restaurantes.  

O primeiro jantar aconteceu no restaurante mexicano Iguana Bar & Grill na rua Zoltán u. 16 em Országház; foi justamente lá que descobri que Tom Hanks estava na cidade porque sentei justamente na mesa ao lado (que infelizmente ninguém estava autorizado em fotografar muito menos pedir autógrafo... mas gravei escondido uhauha. Na próxima manhã vi os furgões da produção do filme estacionados na frente do hotel... E foi assim que soube da sua estada haha). A comida mexicana de lá é perfeita, vale muito a pena. 

 

Aproveitei também para ir ao famoso Jane Haining Hakpart, um calçadão muito gostoso de caminhar, apesar do frio. É de lá que se vê grandes castelos e uma parte da cidade. Como cheguei quase escurecendo, apesar de cedo, pude ver a cidade e os barcos todo iluminados. Uma beleza! 

 

 

Já na segunda noite, meu jantar foi no restaurante Misto Bistro na Sas u. 9 que encontrei meio que por acaso e fui convencida pelo homem na porta me convidando a dar uma olhada no cardápio. Como havia massas no menu, fiquei por lá. 

Eles fizeram o meu prato “ao vivo” em uma espécie de carrinho com fogão e toda aquela fumaça veio para cima de mim. Depois de comer um delicioso talharim ao molho branco e batatas, no hotel pude sentir o quão forte estava o cheiro de comida em meu casaco. Aquele cheiro nunca me saiu da memória haha; não recomendo essa experiência... 

 

No último dia, acordei cedinho para o check out e tomei meu café da manhã no Starbucks (já que o café da manhã do hotel é um tantinho salgado no preço) e mais tarde algumas compras nas lojas da cidade (bons preços em lojas populares como a H&M) 

Tudo o que fiz pela cidade foi a pé, não é necessário condução... A não ser para fazer os tours mais distantes como visitas aos castelos fora da cidade. 

Budapeste me deixou com água na boca, ainda preciso voltar e fazer um turismo de verdade, sei que vale muito a pena. 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Compre  nossos produtos

Você vai gostar de ver também

Please reload

Comente aqui

Quem faz o blog Mala Pink

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Pinterest Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon